Notícias

Empreendedores venezuelanos participam de monitoramento após Fundos Rotativos Solidários

Empreendedores venezuelanos participam de monitoramento após Fundos Rotativos Solidários

Com o objetivo de monitorar e acompanhar os empreendimentos dos venezuelanos assessorados pela  Cáritas Brasileira NE2, agentes Cáritas dos projetos Creciendo e  Rede de Amor Fraternidade e Amizade -RAFA  se reuniram na última semana no atelier Mirarte Oficina de Arte , que produz artesanato em vidro , localizado na cidade de Olinda,  para acompanhar o investimento dos Fundos Rotativos Solidários, apresentados aos empreendedores após processos formativos  através das oficinas profissionalizante realizados pelos projetos.

Segundo o Educador Social do programa de Migração e Refúgio da CBNE2, David Guillen, a visita é realizada de forma periódica, para acompanhar de perto os empreendedores e seu desenvolvimento. “A visita durou cerca de uma hora, e eles esclareceram um pouco o antes e o depois, e a remodelação que fizeram a partir do fundo rotativo ao qual foram contemplados,  quais são suas projeções para o futuro, como está o processo durante a pandemia”, disse.

Por fim, David também falou sobre a expansão dos trabalhos à nível de outros estados no Nordeste que são áreas de atuação da CBNE2 como Alagoas, Paraíba e Rio Grande do Norte.  “Por enquanto o processo se restringe ainda nas cidades de Recife e Olinda, mas já estamos começando esse processo de sondagem para iniciar um trabalho mais abrangente”, conclui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *